24.3.05

HUMANUN

homo sum; humani nihil a me alienum puto
[sou homem, nada do que é humano julgo me seja estranho]
Terêncio



Enviado por alguém que sabe um pouco mais de latim do que eu... Bem hajam A,F.A!

Se não me engano, foi também Terêncio quem disse isto: Mulier malum necessarium. Mas isto não traduzo.

Boa Páscoa!
LP

5 Comments:

Anonymous mafaldinha said...

Epa...obrigadinha pela parte que me toca...hehehe

24 março, 2005 22:37  
Blogger arte no tempo said...

estás a perder a compostura.

d

24 março, 2005 23:01  
Blogger Decompositor said...

É a prova de que até os grandes sábios se enganam. São humanos :)
LP

25 março, 2005 10:25  
Blogger arte no tempo said...

afinal estás é a ficar mais elegante. :)
...ou deverei dizer "politicamente correcto"?

d

25 março, 2005 15:09  
Blogger cesar de oliveira said...

non potes uiuere sin illis, non potes uiuere cum illis...

27 março, 2005 00:32  

Enviar um comentário

<< Home