20.3.05

O Público e a Música Contemporânea II - Fassbender

No fim de contas o ouvido humano é feito para o belo som e não para os ruídos.
Brigitte Fassbaender

Os critérios de beleza baseados na “humanidade” ou não de uma obra de arte não têm qualquer fundamento. A arte nada tem de natural. É um produto da cultura em que cada pessoa ou grupo se integra. Basta pensar na música proveniente das culturas extra-europeias, cheias de elementos tradicionalmente considerados não-musicais para um europeu e vice-versa.

LP

1 Comments:

Blogger arte no tempo said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

21 março, 2005 01:27  

Enviar um comentário

<< Home