3.4.05

Peter Ablinger (1)

OUVIR
Ouvir não é pensar.
Ouvir é não pensar.
É tão difícil ouvir como não pensar.
Ou talvez quase tão difícil. O “quase” corresponde naturalmente mais ao ouvir do que ao cansativo exercício budista de atingir o não-pensar. Ouvir não é tão cansativo e talvez mesmo não tão mal sucedido.
Pelo menos para não-budistas.


excerto de Niederlage

LP

3 Comments:

Blogger pb said...

Excelente!
Fiquei espantado com este texto...
muito bom mesmo.
De tal forma que fui logo procurar mais informação sobre Peter Ablinger de quem, confesso, tinha apenas uma vaga ideia.

07 abril, 2005 18:12  
Blogger Decompositor said...

De facto é um compositor pouco conhecido. Tenho outros posts mais ou menos preparados sobre o Ablinger que espero publicar em breve. Entretanto, fica aqui a ligação para o sítio onde se encontram alguns textos em françês e inglês.

Peter Ablinger

LP

07 abril, 2005 22:35  
Blogger pb said...

Já tinha encontrado esse site. É bastante exaustivo. Como já tinha dito, desde que vi o post "Peter Ablinger (1)", tenho andado a pesquisar na net. De qualquer forma obrigado pela indicação.

08 abril, 2005 14:46  

Enviar um comentário

<< Home